Processo de Beatificação de Frei Andrew Bertie

Fran Andrew Bertie, Benedict XVI

De seu nome completo Andrew Willoughby Ninian Bertie (n.15.V.1929; f.7.II.2008) e nacionalidade britânica, foi o 78º Grão-Mestre da Ordem Soberana, Militar e Hospitalar de São João de Jerusalém, de Rodes e Malta, com o título de Sua Alteza Eminentissima, Principe e Grão-Mestre – Mais Humilde Guardião dos Pobres de Jesus Cristo, dignidade que ocupou desde 1988 até à sua morte em 7 de Fevereiro de 2008.
Aquando de uma das suas visitas a Portugal, em 29 de junho de 1990, foi condecorado com o Grande Colar da Ordem do Infante D. Henrique, Ordem honorífica, que visa distinguir a prestação de serviços relevantes a Portugal, no País ou no estrangeiro ou serviços na expansão da cultura portuguesa, da sua história e dos seus valores.

Beatificação e Canonização de Frà Andrew Bertie

Recentemente, a Ordem Soberana Militar de Malta apresentou uma petição para a Beatificação e Canonização de S.A.E. o Grão-Mestre Frà Andrew Bertie.

Assembleia Portuguesa regozija-se com este Processo

Desde que em 7 de Fevereiro de 2008, S.A.E. o Príncipe e Grão Mestre Frei Andrew Bertie regressou à Casa do Pai, a sua memória por entre os fiéis alimentou a «”Fama sanctitatis”; por essa razão a Ordem Soberana Militar de Malta constituiu-se na qualidade de ator da Causa de Beatificação e de Canonização de Frei Andrew Bertie. Cinco anos decorridos após a morte deste Servo de Deus, esta Postulação apresentou o “supplex libellus” ao Tribunal Diocesano do Vicariato de Roma, solicitando deste modo a apresentação desta Causa. Trata-se da primeira vez que é feita a proposta no sentido de reconhecer a Santidade vivida de um Príncipe e Grão Mestre.
O Conselho da Assembleia Portuguesa regozija-se com esta realidade e toma a liberdade de sugerir e recomendar a todos os que tomem conhecimento deste facto que recorram à intercessão de Frei Andrew Bertie para obter graças e milagres de Deus.

Categories